DICAS DE CULTURA

O centenário de Rachel de Queiroz

Esta semana, mais precisamente a 17 de Novembro, aquele que é a uma das escritoras mais queridas do Brasil, Raquel de Queiroz, faria 100 anos de idade.

 

Nascida a 17 de Novembro de 1910 em Fortaleza, antes de completar vinte anos, em 1930, publicou "O Quinze",o seu primeiro romance e uma das obras inaugurais da corrente literária denominada romance nordestino,despertando grande interesse da crítica nacional.

Essa precocidade de Rachel de Queiroz para a escrita pode ser explicada, em parte, pelo fato dela ter encontrada a escrita dentro de casa. Exemplo disso é o seu parentesco próximo com José de Alencar, imortalizado com a obra "O Guarani". Formada em magistério primário com apenas 15 anos, cinco anos depois publicaria o seu primeiro trabalho, "O Quinze", romance social e realista que narrava a seca e a miséria do seu Ceará.

A partir daí a escritora se enveredaria, entretanto, pela crônica, tendo publicado mais de duas mil. Grande parte delas está organizada em livros, sendo um exemplo "100 crônicas escolhidas". Paralelamente a isso publicou artigos em jornais e foi tradutora. Foi a primeira mulher a ocupar um lugar na Academia Brasileira de Letras, em 1977, e escolhida um dos 20 brasileiros mais empreendedores do século XX.